Pesquisar este blog

24/11/2008

Ópera


A ópera é uma peça teatral, em que os papéis não são falados, mas cantados e acompanhados por música sinfônica. O canto, em vez de declamado, parece incompatível com qualquer definição razoável da arte dramática, como vida real no palco.Por isso, a ópera sempre foi alvo de críticas da parte de espíritos racionalistas; Voltaire chegou a dizer que "o que é imbécil demais para ser dito, está sendo cantado". infelizmente a maior parte dos libretos de ópera lhe dá razão. Mas historicamente, a ópera tem suas origens numa tentativa de restabelecer a verdadeira tragédia. Durante todo o séc.XVI, os
dramatugos italianos viviam obcecados pela idéia de imitar a tragédia antiga. Descobriu-se afinal que as representações dramáticas na Grécia antiga eram sempre acompanhadas de música e que os próprios papéis eram menos declamados do que cantados. Sempre foi um problema a relação entre a música e o libreto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário