Pesquisar este blog

14/02/2010

Béla Bartók (1881-1945)

Béla Viktor János Bartók de Szuhafő (Húngaro: AFI: [ˈbeːlɒ ˈbɒrtoːk]) (Nagyszentmiklós, 25 de março de 1881 Nova Iorque, 26 de setembro de 1945) foi um compositor húngaro, pianista e investigador da música popular da Europa Central e do Leste.

Bartók é considerado um dos maiores compositores do século XX. Foi um dos fundadores da etnomusicologia e do estudo da antropologia e etnografia da música.Juntamente com seu amigo, o compositor Zoltán Kodály, percorreu cidades do interior da Hungria e Romênia, onde recolheu e anotou um grande número de canções de origem popular. Durante a Segunda Guerra Mundial, decidiu abandonar a Hungria e emigrou para os Estados Unidos. Morando em Nova Iorque, Bartók decepcionou-se com a vida americana.Havia pouco interesse pela sua obra, e suas apresentações, onde sua segunda esposa, Ditta Pásztory também participava, deram pouco retorno financeiro.Ajudado financeiramente por amigos, prosseguiu em sua carreira de compositor, sendo o sexto quarteto uma de suas últimas composições. Em 1944 sua saúde declina tanto que Bartók passa a viver no hospital, sob cuidados medicos.Apesar da sombria situação, compõe ainda o 3ºConcerto para Piano e um Concerto para Viola, que fica incompleto, ao morrer aos 64 anos, de leucemia. Compôs três concertos para piano, dois para violino, um concerto para orquestra, uma obra intitulada Música para Cordas, Percussão e Celesta, música de câmara, a Sonata para dois Pianos e Percussão, uma Sonata para piano, uma Rapsódia para piano, o famoso "Allegro Barbaro" para piano, além dos dois volumes do MIKROKOSMOS para piano solo.

Origem: Wikipédia



Piano Concerto No. 1 in A major, Sz. 83, BB 91
Piano Concerto No. 2 in G major, Sz. 95, BB 101
Piano Concerto No. 3 in E major, Sz. 119, BB 127 (completed by Tibor Serly)

Géza Anda, piano
Radio-Symphonie-Orchester Berlin
Ferenc Fricsay, conductor


Download (Rapidshare)

Nenhum comentário:

Postar um comentário