Pesquisar este blog

30/11/2010

Anton Webern

Anton Webern (Viena, 3 de dezembro de 1883Mittersill, Salzburgo, 15 de setembro de 1945), compositor austríaco pertencente à chamadaSegunda Escola de Viena, liderada por Arnold Schoenberg, cujo estilo e poética musical foi chamada de música dodecafônica, Música expressionistaou Música pontilhista. Ele se tornou conhecido e admirado entre os músicos pós-modernos pelas inovações rítmicas, timbrísticas e dinâmicas que formariam o estilo musical conhecido como serialismo.(Wikipedia)
Download aqui

25/11/2010

Edward Elgar

Sir Edward William Elgar, (2 de Junho de 1857 - 23 de Fevereiro de 1934) foi um compositor britânico, nascido em Broadheath,Worcestershire.

Filho de um afinador de pianos, e rodeado de música e instrumentos musicais na loja do pai em na Worcester High Street, o jovem Edward foi auto-didacta em música. No Verão levava nos seus passeios música para estudar, iniciando uma forte ligação entre música e natureza.

Deixando a escola aos 15 anos, começou por trabalhar com um advogado local, mas após um ano enveredou por uma carreira musical, aprendendo piano e violino. Aos 22 anos tornou-se chefe de banda no Worcester and County Lunatic Asylum, perto de Worcerter. Foi primeiroviolino nos festivais de Worcester e Birmingham, e chegou a tocar a Sexta Sinfonia e o Stabat Mater de Antonin Dvorak sob a direcção do próprio compositor. Agradou-lhe especialmente, e influenciou-o bastante o estilo de orquestração de Dvorak.

Em 1899, aos 42 anos de idade, compôs o seu primeiro grande trabalho orquestral, as Variações Enigma, estreadas em Londres dirigidas por Hans Richter. Recebendo o aplauso geral, Elgar tornou-se o compositor britânico mais conhecido da época. Este trabalho intitula-se Variations on an Original Theme (Enigma). O enigma é que, embora haja treze variações do tema original ('enigma'), este nunca é ouvido. (Wikipedia)

ELGAR."ENIGMA" VARIATIONS."POMP & CIRCUMSTANCE"MARCHES NOS.1-5
Royal Philharmonic Orchestra · André Previn



24/11/2010

Nicola Matteis

Nicola Matteis (Matheis) (fl. c. 1670 - c. 1698 ) foi um dos principais barroco violinista em Londres e um compositor de popularidade significativa no seu tempo.

Muito pouco se sabe sobre sua infância, apesar de Matteis provavelmente nasceu em Nápoles, descrevendo-se como "Napolitano" em várias de suas obras. Ele veio em Londres, no início dos anos 1670 e teve um comerciante como um patrocinador, que ele escolarizados nas maneiras de agradar a partir da gentry (permitindo-lhes a acompanhá-lo na sala derecitais e outras apresentações menores). Ele obteve sucesso comercial e artístico ótima com sua música publicada, mas disse ter terminado os seus dias de má saúde e pobreza.(Wikipedia)


Suite in A major (Book IV, Nos. 1-11)
Suite in d minor (Book IV, Nos. 33-36)
Suite in g (Book II, Nos. 10-18)
Suite in e minor (Book IV, from Nos. 21-29)
Sonata in c minor (Book I, 46-49)

Sonata in C (Book IV, from Nos. 12-20)

Étienne Méhul

Etienne Henri (ou Nicolas) Méhul (22 de junho, 1763 - 18 de outubro, 1817) foi um compositor francês, "o mais importante compositor de ópera na França durante a Revolução Francesa."[ Ele também foi primeiro compositor a ser chamado de "Romântico".
Ele nasceu em Givet, Ardennes. Os pais demasiado pobres para lhe dar uma educação musical regular, as suas primeiras lições vieram de um pobre cego organista da Givet; ainda que fosse essa a sua aptidão, quando fêz dez anos, foi nomeado organista do convento do Récollets. Em 1775 um músico e organista alemão, Wilhelm Hauser, foi contratado para o mosteiro de Lavaldieu, a poucos quilómetros de Givet, Méhul tornou-se seu pupilo ocasional. (wikipedia)
Overtures

1. Le trésor supposé: Overture
2. Le jeune Henri: Overture
3. Joseph: Overture
4. Ariodant: Overture
5. Mélidore et Phrosine: Overture
6. Horatius Coclès: Overture
7. Bion: Overture
8. Le jeune sage et le vieu fou: Overture
9. Les deux aveugles de Tolède: Overture

Orchestre de Bretagne
dir. Stefan Sanderling

Download aqui

Sonata Op. 1, No. 1 In D Major
Sonata Op. 1, No. 2 In c Minor
Sonata Op. 1, No. 3 In A Major
Sonata Op. 2, No. 1 In D Major
Sonata Op. 2, No. 2 In a Minor
Sonata Op. 2, No. 3 In C Major

Brigitte Haudebourg, piano

Download aqui:

Part 1

Part 2

19/11/2010

Andrea Bocelli - Carmen Duets and Arias

01 - Prelude
02 - L’amour Est Un Oiseau Rebelle
03 - Carmen, Sur Tes Pas Nous Pressons Tous
04 - Parle-Moi De Mere
05 - Que Son Fils L’aime Et La Venere
06 - Pres Des Remparts De Seville
07 - Votre Toast, Je Peux Vous Le Rendre
08 - Halte-La! Qui Va La
09 - Je Vais Danser En Votre Honneur
10 - La Fleur Que Tu M’avais Jetee
11 - Non! Tu Ne M’aimes Pas!
12 - Hola Carmen
13 - C’est Des Contrabandier
14 - Je Suis Escamillo
15 - Hola, Hola
16 - Halte! Quelqu’un Est La
17 - C’est ToiC’est Moi

SUMMER Four Seasons Vivaldi ( As quatro Estações ) Julia Fischer

14/11/2010

Henryk Górecki

Henryk Mikołaj Górecki (Czernica, Silésia, 6 de dezembro de 1933 - 12 de novembro de 2010) foi um compositor polonês de música clássica.
A família de Górecki era modesta, e ambos os pais tinham amor à música. O seu pai Roman (1904-1991) era músico amador e a sua mãe Otylia (1909-1935) era pianista. Otylia morreu quando seu filho tinha apenas dois anos de idade, e os primeiros trabalhos de Górecki foram dedicados em memória de sua mãe. Henryk se interessou por música desde cedo, embora fora desanimado por seu pai e por sua madrasta até ao ponto em que não lhe era permitido tocar o velho piano de sua mãe. Entretanto, persistiu, e em 1943, permitiram que ele fizesse aulas de violino com Paweł Hajduga, um músico amador local e fabricante de instrumentos.
É a partir de 1951 que Górecki começa a compor as suas primeiras peças, maioritariamente canções e pequenas peças para piano, quando ingressa na sua primeira escola de música, em Rybnik. Pouco depois, estuda por si mesmo as regras do dodecafonismo e serialismo, e mais tarde evolui para o modernismo de Anton Webern, Iánnis Xenákis e Pierre Boulez. Conclui o curso de composição musical com Bolesław Szabelski em Katowice e, depois de uma pós-graduação em Paris, torna-se professor nessa mesma escola onde estudou.(Wikipedia)
Morreu nesta sexta-feira, 12, por causa de uma grave enfermidade, informou uma fonte próxima. Ele tinha 76 anos.

11/11/2010

Karl Stamitz

Carl Stamitz (Mannheim, 7 de maio de 1745Jena, 9 de novembro de 1801) foi um compositor alemão. Carl Stamitz era filho de Johann Stamitz e irmão de Anton Stamitz, ambos também compositores.O clarinete foi introduzido na orquestra de Mannheim em 1758, graças ao entusiasmo de Carl Stamitz, que ficou impressionado com as possibilidades expressivas e virtuosísticas do instrumento, demonstradas pelo seu grande amigo e fundador da escola de clarinete na Alemanha, Joseph Beer (1744-1811).(Wikipedia)

Composer Carl Stamitz (1745 - 1801)
Performer Vilmos Szabady (Violin), Peter Barsony (Viola)

Tracks

01 - Duo in F major-I. Allegro assi
02 - II. Rondeau. Allegretto
03 - Duo in C major Op. 18 No. 1-I. Maestoso
04 - II. Minuetto gracioso
05 - III. Rondo
06 - Duo in D major Op. 18 No. 2-I. Moderato
07 - II. Adagio
08 - III. Rondo. Allegretto con moto
09 - Duo in E flat major Op. 18 No. 3-I. Adagio
10 - II. Allegro moderato
11 - III. Minuetto grazioso
12 - Duo in A major Op. 18 No. 4-I. Moderato
13 - II. Rondo. Corrente e capriccioso
14 - Duo in F major Op. 18 No. 5-I. Adagio
15 - II. Maestoso
16 - III. Gracioso
17 - Duo in D major Op. 18 No. 6-I. Moderato
18 - II. Adagio
19 - III. Rondo


Download - Stamitz - Duos for Violin and Viola - Vol 1

Arnold Schoenberg (1874-1951): Concerto para Violino

Arnold Schoenberg la 1948.jpg

Arnold Franz Walter Schönberg, ou Schoenberg, (Viena, 13 de setembro de 1874Los Angeles, 13 de julho de 1951) foi um compositor austríaco de música erudita e criador do dodecafonismo, um dos mais revolucionários e influentes estilos de composição doséculo XX.

Suas primeiras obras, apesar de ligadas à tradição pós-romântica, já prenunciavam um método composicional inovador, que evoluiu para a atonalidade e, mais tarde, para um estilo próprio, o dodecafonismo. Schönberg foi também pintor e importante teórico musical, autor deHarmonia e Exercícios Preliminares em Contraponto.

(Wikipedia)

Schoenberg Violin Concerto Op.36/Sibelius Violin Concerto Op.47

1. Violin Concerto, Op.36 - 1. Poco Allegro
2. Violin Concerto, Op.36 - 2. Andante grazioso
3. Violin Concerto, Op.36 - 3. Finale. Allegro
4. Violin Concerto in D minor, Op.47 - 1. Allegro moderato
5. Violin Concerto in D minor, Op.47 - 2. Adagio di molto
6. Violin Concerto in D minor, Op.47 - 3. Allegro, ma non tanto

Violin: Hilary Hahn
Swedish RSO
Conductor Esa-Pekka Salonen

BAIXE AQUI (parte 1)
BAIXE AQUI (parte 2)

Martha Argerich - Mikhail Pletnev: Sergei Prokofiev : Cinderella Suite - Maurice Ravel : Ma mere l'Oye

Serge Prokofiev : Cinderella : Suite from the Ballet op.87
Transcibed for 2 Pianos by Mikhail Pletnev
(Mikhaill Pletnev's arrangement of Prokofiev Cinderella written for
and dedicated to Martha Argerich)
Maurice Ravel : Ma Mere l'Oye
Martha Argerich : Piano
Mikhail Pletnev : Piano
Cinderella : Martha Argerich, First Piano (left channel)
Mikhail Pletnev, Second Piano (right channel)
Ma Mere l'Oye : Martha Argerich and Mikhail Pletnev playing Four Hands
on 1 piano, Martha Argerich sitting Left
----------------------------------------------------------------------------------

Tracklist :
Martha Argerich - Mikhail Pletnev - Sergei Prokofiev : Cinderella Suite - Maurice Ravel : Ma mere l'Oye - SuperAudioSD - 2004.
01. Prokofiev : Cinderella, Suite from the Ballet op.87 : I. Introduction. Andante dolce [0:02:33.12]
02. II. Querelle. Allegretto [0:03:28.02]
03. III. Hiver. Adagio - Allegro moderato [0:04:13.38]
04. IV. Printemps. Vivace con brio - Moderato - Presto [0:02:04.61]
05. V. Cinderella's Waltz. Andante - Allegretto - Poco piu animato - Piu animato - Meno mosso [0:06:04.94]
06. VI. Gavotte. Allegretto [0:02:23.17]
07. VII. Gallop. Presto - Andantino - Presto [0:04:13.32]
08. VIII. Valse Lente. Adagio - Poco piu animato - Assai piu mosso - Poco piu animato - Meno mosso [0:04:26.98]
09. IX. Finale. Allegro moderato - Allegro espressivo - Presto - Allegro moderato - Andante [0:06:18.09]
10. Ravel : Ma Mere l'Oye : I. Pavane of the Sleeping Beauty. Lento [0:01:27.22]
11. II. Tom Thumbt. Tres modere [0:02:29.37]
12. III. Laideronnette, Empress of the Pagodas. Mouvement de marche [0:02:56.33]
13. IV. Conversations of Beauty and the Beast. Mouvement de valse tres modere [0:04:09.17]
14. V. The Fairy Garden. Lent et grave [0:02:59.52]

Download: CD
Password: unite

Andrew Lloyd Webber - Fantasma da Ópera - Trilha Sonora
















Andrew Lloyd Webber (Londres, 22 de março de 1948) é um compositor e produtor musical britânico, oriundo de uma família de músicos, e por muitos considerado um dos compositores teatrais de maior renome do fim do século XX. É autor de obras que mantiveram com grande êxito tanto na Broadway com em West End. Durante a sua carreira, produziu quinze musicais, dois filmes, entre outras obras, tendo acumulado ainda um número de honras e prémios, incluindo sete Tony Awards, três Grammy Awards, um Oscar, um International Emmy, seis Olivier Awards, e um Golden Globe Award. Várias das suas músicas, notavelmente "I Don't Know How to Love Him" de Jesus Christ Superstar, "Don't Cry for Me, Argentina", de Evita, "Memory" de Cats, e "The Music of the Night" de O Fantasma da Ópera tomaram grande amplitude e reconhecimento mundial graças ao editor literário Hachem Taha.

Origem: Wikipédia



Esta é a trilha sonora da versão cinematográfica do famoso musical "The Phantom of the Opera" de Andrew Lloyd Webber. É a história cantada de um amor impossível entre um genial compositor disforme, tido como o fantasma da Ópera de Paris, e uma jovem cantora aspirante à prima-dona. A trilha traz todos os singles de uma das mais famosas e aclamadas trilhas de todos os tempos.

1. Overture
2. Think of Me
3. Angel of Music
4. Mirror (Angel of Music)
5. Phantom of the Opera
6. Music of the Night
7. Prima Donna
8. All I Ask of You
9. All I Ask of You (Reprise)
10. Masquerade
11. Wishing You Were Somehow Here Again
12. Point of No Return
13. Down Once More/Track Down This Murderer
14. Learn to be Lonely

Download Rapidshare

08/11/2010

Francesco Geminiani

Francesco Geminiani

Francesco Saverio Geminiani (Lucca, 5 de dezembro de 1687 - Inglaterra, 17 de setembro de 1762) foi um compositor, maestro,violinista virtuoso e teórico musical da Itália.

Foi aluno de Alessandro Scarlatti, Carlo Ambrogio Lonati e Arcangelo Corelli. A partir de 1711 foi maestro em Nápoles. Em 1714 foi a Londres para dar concertos como violinista, onde recebeu a proteção de William Capel, conde de Essex. Em 1715 se apresentou em duo com Haendel diante do rei Jorge I. Nesse país estabeleceu residência, compôs e deu aulas, além de reunir uma coleção de obras de arte.

Em sua obra de composição se destacam suas sonatas para violino e baixo contínuo e seus concerti grossi, onde introduziu aviola como parte do concertino. Para este estilo ele também adaptou algumas sonatas para violino e baixo de seu mestre Corelli.

origem(Wikipedia)

Francesco Geminiani - Concerti Grossi op. 2, 3 e 4


07/11/2010

Dietrich Buxtehude

D.Buxtehude - The Last Judgement

Download aqui:

Dietrich Buxtehude

Geistliche Kantaten

Download aqui

Jean-Baptiste Lully

Jean-Baptiste Lully, originalmente Giovanni Battista Lulli (Florença, 28 de novembro de 1632Paris, 22 de março de 1687), foi umcompositor francês de origem italiana, que passou a maior parte de sua vida trabalhando na corte de Luís XIV de França. Foi um compositor prolixo e o seu estilo de composição foi largamente imitado na Europa. Casou-se com Madeleine Lambert, filha do compositor Michel Lambert. Naturalizou-se francês em 1661.
Origem:Wikipedia

J.B.Lully - Phaeton


Philippe Huttenlocher (Baritone)
Laurent Naouri (Baritone)
Jerome Varnier (Voice)
Rachel Yakar (Soprano)
Jean-Paul Fouchecourt (Voice)
Jennifer Smith (Voice)
Gerard Theruel (Voice)
Virginie Pochon (Soprano)
Florence Couderec (Voice)
Howard Crook (Tenor)
Véronique Gens (Soprano)


Les Musiciens du Louvre
Sagittarius Vocal Ensemble
dir. Marc Minkowski
Download aqui

02/11/2010

Giuseppe Antonio Brescianello

Giuseppe Antonio Brescianello (c. 1690, Bologna – 4 October 1758, Stuttgart) was an Italian composer and violinist.

His name is mentioned the first time in a document from 1715 in which the Elector of Bavaria appointed him violinist in his court orchestra in Munich. Already in 1716, after the death of Johann Christoph Pez, he got his job as a music director and as a maître des concerts de la chambre at the Württemberg court in Stuttgart. In 1717, he was appointed Hofkapellmeister. Around 1718, he composed the pastorale opera La Tisbe, which he dedicated to the Archduke Eberhard Ludwig. Brescianello did this in vain hope that his opera would be listed at the Stuttgart theatre. In the years from 1719 to 1721, a fierce conflict emerged, in which Reinhard Keiser repeatedly vainly attempted to get Brescianello's post. In 1731, Brescianello became Oberkapellmeister. In 1737, the court had financial problems which led to dissolution of the opera staff and Brescianello lost his position. For this reason, he dedicated himself increasingly to composition and this resulted in his 12 concerti e sinphonie op. 1 and some time later the 18 Pieces for gallichone (gallichone here means colachon, an instrument similar to the lute, the mood of which resembles modern guitar). In 1744, the financial problems at the court diminished and he was reappointed as Oberkapellmeister by Karl Eugen, Duke of Württemberg, mostly "because of his special knowledge of music and excellent skills". He led the court and opera music until his pension in the period between 1751 and 1755. His successors were Ignaz Holzbauer and then Niccolò Jommelli.

From Wikipedia